USO DO FERTILIZANTE ORGANOMINERAL (FERTPEIXE) PARA ADUBAÇÃO DO FEIJÃO

Juliana Gomes Ferreira, Nilton Alves Silva, Luciano Reis Venturoso

Resumo


A presente pesquisa tem como objetivo verificar as dosagens de fertilizante organomineral a base de pescados (fertpeixe) que melhor influencia na adubação do feijão. Foi realizada com o feijão comum Phaseulos vulgaris, L, no período de março a julho de 2016, no Instituto Federal de Rondônia campus Ariquemes. Foram utilizadas diferentes dosagens do fertilizante para a adubação do solo, sendo 0, 0.5,1, 2, 4 e 8 ml. No processamento dos dados, foi utilizado o sistema de análises estatísticas SISVAR, teste Tukey. De acordo com o teste, observa-se que houve grandes variações nos resultados. A dosagem que melhor influenciou para o desenvolvimento da planta foi 8 ml, porém o rendimento que é o fator principal em um cultivo, foi pouco influenciado pelas dosagens.

Palavras-chave


Phaseolus vulgaris L. Fertilizante organomineral. Fertpeixe.

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2020 Revista Saber Científico

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

ISSN: 1982-792X